Pequenos negócios terão incentivo financeiro para inovação

0
51
Lançamento do contrato Sebrae e Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) .Estavam presentes: o Ministro de Estado da Ciência,Tecnologia,Inovações e Comunicações,Gilberto Kassab;o Presidente do Sebrae Nacional,Afif Domingos;o Presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial EMBRAPII,Jorge Almeida Guimarães e o Presidente do Conselho de Administração da EMBRAPII,Pedro Wongtschowki.Data:12/06/2017.Local: São Paulo/SP.Foto:Cris Castello Branco/Sebrae-SP / Divulgação

Parceria entre Sebrae e Embrapii, que irá subsidiar projetos inovadores, será apresentada nesta quinta-feira (6) em João Pessoa

As micro e pequenas empresas interessadas em investir em projetos de inovação industrial poderão contar com o apoio do Sebrae e da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii). Uma parceria entre as duas instituições prevê a liberação de R$20 milhões em duas linhas de financiamento, com previsão de atendimento de 200 empresas, nesta primeira etapa. As ações de incentivo dessa parceria serão apresentados aos empresários paraibanos, nesta quinta-feira (6), às 15h, no Centro de Educação Empresarial do Sebrae.

O Sebrae vai aportar R$ 20 milhões para garantir o atendimento aos pequenos negócios. Do valor total de cada projeto apresentado pelas empresas, um terço será bancado pela Embrapii, até um terço pela unidade estadual Embrapii onde o estudo será desenvolvido, e o restante ficará sob encargo da empresa, com subsídio do Sebrae. A primeira linha de financiamento é voltada para o desenvolvimento tecnológico, destinada a microempreendedores individuais, startups, micro e pequenas empresas, com apoio de até R$210 mil para cada empresa. A outra é destinada ao encadeamento tecnológico, com aporte de até R$300 mil, e pode contar com empresas de todos os portes.

Os projetos não precisarão passar pelos processos típicos de um edital. Bastará o empresário apresentar, a qualquer momento, a ideia de projeto de inovação ao Sebrae ou à apreciação de uma unidade credenciada da Embrapii. A viabilidade do projeto será avaliada dentro do rol de competências da unidade e do nível de maturidade tecnológica.

“Os pequenos negócios também podem e devem investir em inovação. Este é um incentivo a mais que o Sebrae está oferecendo às empresas, para que elas possam potencializar a sua competitividade e se diferenciar no mercado”, afirmou o analista técnico do Sebrae Paraíba, Fernando Ronaldo Araújo.

Ele acrescentou que as empresas interessadas em apresentar projetos poderão participar da apresentação na próxima quinta-feira (6). “Vamos apresentar os detalhes de como participar, as modalidades dos projetos que serão apoiados e as vantagens de se investir em inovação”, completou o analista do Sebrae.

Assessoria