Luck Receptivos abrirá franquias para além do Nordeste

0
123
Filipe Luck, Guilherme Luck, da Luck Receptivos, Edna Moura e Hayrton Almeisa, da Atalaia e Gustavo Luck - Imagem: Divulgação
Rodrigo Vieira
Um dos mais tradicionais receptivos do Brasil, a Luck vai atacar de franqueadora para além do Nordeste, onde atua em cinco Estados. O mercado pode esperar pois, a partir de outubro, a empresa dirigida por Gustavo Luck estará presente em outras regiões do País. Já há uma lista de interessados em dirigir franquias com a marca, e os últimos detalhes estão prestes a serem concretizados.

“Estamos terminando todo o processo com uma consultoria especializada em franchising, e a ideia é abrir unidades em todo Brasil, sem restrições. Já temos propostas de vários interessados em abrir franquia conosco”, afirma o diretor.

Hoje a Luck Receptivos, de quase 57 anos, está presente em Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Alagoas e Bahia, sem contar Fernando de Noronha (PE), onde tem sociedade de quase 20 anos com a Atalaia, de Hayrton Almeida e Edna Moura.

Após um 2016 complicado, Gustavo Luck prevê crescimento de 5% este ano. “Esse segundo semestre tem tudo para ser muito bom para nós”, confia o diretor.

Recentemente, o receptivo nordestino abriu seus serviços para venda em e-commerce, um movimento inevitável, que não afeta na evolução das tão consolidadas parcerias com as operadoras, segundo Luck. “Nossa maior robustez sempre foi e sempre será por meio das operadoras. O e-commerce é uma necessidade de mercado, para atingir outro tipo de consumidor, o que não compra em agências. É uma tendência inevitável. Tínhamos de fazê-lo.”

Panrotas