Foto: Divulgação

Músico, cantor e compositor, o sambista Jorge Riba sempre conviveu com a musicalidade da cultura afro-pernambucana e dos salões de gafieira do Recife e de Olinda. Com mais de 30 anos de carreira artística, participou ativamente da criação do Movimento Negro no estado e integrou o Balé de Arte Negra de Pernambuco e a Mesa de Samba Autoral. É com essa ginga que ele chega à capital paraibana neste sábado (2 de julho) com o show “Gafieira é Samba”. O baile tem como convidado o grupo A Nata da Gafieira. A apresentação acontece no Ateliê Multicultural Elioenai Gomes, a partir das 17h. O acesso custa R$ 10.

jorge riba2

Defensor da cultura afrodescendente, Riba é um dos fundadores do Movimento dos Compositores de Samba de Pernambuco. Sua música circula entre o samba do recôncavo, o partido alto, o maxixe, a bossa nova e o samba jazz. No ano passado, realizou vários shows em turnê durante o verão europeu, levando para fora do Brasil a tradição do batuque pernambucano.

Para ‘Seu’ Riba, como é conhecido nas rodas de amigos, o samba não é um ritmo único, mas um mosaico que agrega diversas leituras, indo desde o batuque duro da roda de samba até o refinamento da bossa nova.

O músico iniciou a carreira compondo e tocando afoxés para vários blocos afro e, e que desde 1989 milita no Movimento Negro Unificado. Para ele, o samba aparece mais como coroação da vida, já que iniciou a carreira por influência dos pais, sambistas e foliões.

Na bagagem, Jorge Riba traz o repertório afinado do disco “Meu Recado”, além de músicas novas e composições populares de artistas da chamada velha guarda do samba como Cartola e Ataulfo Alves.

A Nata da Gafieira – A Nata da Gafieira nasceu na cidade de João Pessoa e é liderada pelos professores Nildo Santos e Jaciara Xavier, ambos com larga experiência profissional em dança de salão. Atualmente, tem obtido grande destaque com o Samba de Gafieira, ritmo contagiante, inovador e bem brasileiro.

Serviço:

Jorge Riba apresenta o show Gafieira é Samba

Participação: A Nata da Gafieira (dança de salão)

Data: 09 de julho (sábado)

Hora: a aprtir das 17h

Acesso: R$ 10

Local: Ateliê Multicultural Elioenai Gomes | Ladeira da Borborema, 101, Varadouro

Realização: Ateliê Multicultural Elioenai Gomes

Assessoria

Foto: Divulgação