Turismo de Saúde é tema de congresso mundial nos Estados Unidos

0
Tratamentos cosméticos estão entre os procedimentos mais demandados pelo turismo de saúde no Brasil. Na imagem, turista recebe aplicação de máscara facial de argila medicinal em Gravatal (SC). Foto: Beto Garavello/Embratur/Divulgação

Ministério do Turismo integra comitiva brasileira, coordenada pela Apex, que participará das atividades do congresso em Orlando, Flórida

O Ministério do Turismo integra a comitiva brasileira que participará de (28) a (30) de outubro do 11º World Medical Tourism Congress, um dos mais importantes eventos de Turismo de Saúde no mundo. O congresso internacional será realizado em Orlando, Flórida, nos Estados Unidos, reunindo representantes dos vários segmentos dos setores de saúde e bem-estar e do turismo.

A comitiva do Brasil é coordenada pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX) e tem participação da Associação Brasileira de Turismo de Saúde (Abratus). “O Brasil tem um grande potencial para o Turismo de Saúde, tanto nas vertentes médica como na de bem-estar, e os eventos internacionais são importantes para ampliarmos nosso conhecimento sobre este mercado”, afirma o secretário nacional de Qualificação e Promoção do Turismo, Bob Santos, que representa o MTur no evento.

Segundo a Abratus, o Brasil ocupa atualmente a posição 22 no ranking mundial Medical Tourism Índex da Global Healthcare Resources, com crescimento de 20% ao ano. Os principais emissores de “turistas de saúde” para os destinos brasileiros são Estados Unidos, Emirados Árabes, Reino Unido, Egito, Omã, Alemanha e Kuait. Entre os procedimentos mais demandados estão os tratamentos cosméticos e estéticos.

“Vamos preparar o mercado brasileiro para fazer negócios com os grandes compradores internacionais, ampliando a participação do país na rota do turismo médico internacional”, diz a presidente da Abratus, Julia Lima.

Ascom MTur