Em audiência com o ministro do Turismo, presidente da Associação de Hotéis destaca a importância do setor, que tem a capacidade de gerar empregos e renda com agilidade

O ministro do Turismo, Henrique Alves, recebeu nesta quarta-feira (29) o presidente da Associação Brasileira de Indústria de Hotéis (ABIH), Enrico Fermi, para tratar da agenda prioritária do setor hoteleiro. Entre as pautas tratadas, destacam-se o financiamento do setor, a necessidade de facilitação do visto para entrada de estrangeiros no país, a qualificação dos profissionais ligados à atividade e a legislação a respeito da arrecadação de direitos autorais nos hotéis.

“O setor hoteleiro é um dos segmentos com maior potencial na geração de empregos no país. É importante não só investir nesse setor, mas também capacitar seus profissionais para receber cada vez melhor brasileiros e estrangeiros”, disse Alves. O ministro ressaltou, ainda, a importância de investir em qualificação para fortalecer o setor para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos.

Henrique Alves se comprometeu com Fermi a criar uma agenda para avançar na resolução dos problemas do setor. Atualmente, o Brasil conta com cerca de 28,5 mil meios de hospedagem, sendo 93,4% considerados independentes. Os hotéis de pequeno porte – com até 50 apartamentos – representam 72% desse total, o que reforça a necessidade de fortalecimento dos investimentos nesse setor.

Ascom MTur