O acesso à internet pela rede móvel intensificou as interações on-line, de modo que hoje, viajantes, agentes de viagem e demais profissionais do setor interagem com as publicações em tempo real

As redes sociais são hoje uma das principais ferramentas de promoção do turismo no Brasil, essenciais para divulgar e fomentar o setor pelo país. O Ministério do Turismo tem mais de um milhão de fãs, seguidores e assinantes, entre eles turistas frequentes e viajantes potenciais, profissionais do setor e representantes de governo.

A presença nas redes tem por objetivo fortalecer a imagem do ministério; valorizar o Brasil e seus destinos, aproximar-se de diversos públicos; ampliar o conhecimento de clientes e formadores de opinião; reforçar a inovação do setor e aproximar-se de influenciadores digitais e formadores de opinião.

A internet tem sido um apoio fundamental em campanhas de marketing do turismo. A campanha #PartiuBrasil, do Ministério do Turismo, está em evidência na feira WTM, que acontece até sexta-feira (24), em São Paulo. Por meio da rede tem-se estimulado os brasileiros a viajar pelo país e os agentes de viagem a privilegiar os destinos nacionais.

Para se ter ideia da força virtual das redes para o Turismo, mais de 318 mil seguidores curtiram a página do MTur no Facebook, cerca de 170 mil no Twitter e mais 19 mil no Instagram. O MTur também se comunica com o público por meio de um blog e foi um dos primeiros órgãos governamentais a usar o Pinterest.

O acesso à internet pela rede móvel intensificou as interações on-line, de modo que hoje, o viajante, o agente de viagem e os demais profissionais do setor incluem imagens nas redes sociais, elogiam e criticam uma publicação em tempo real.

O Ministério do Turismo também já recebeu mais de 142 mil imagens colaborativas pelo Instagram, com uso de hashtags #MTur, #ViajePeloBrasil e #PartiuBrasil.

Ascom Mtur
Foto:divulgação