Navio réplica do Titanic pretende fazer viagem com roteiro idêntico ao original em 2022

0
Navio réplica do Titanic - Imagem: Divulgação

Uma réplica do Titanic partirá em 2022, refazendo a rota planejada do navio original

Mais de 100 anos depois, o Titanic está sendo reconstruído em um projeto que custou aproximadamente US $ 500 milhões (quase 2 bilhões de reais), e é realizado pelo bilionário australiano Clive Palmer e a empresa Blue Star Line.  O projeto está sendo financiado com o dinheiro da própria Blue Star Line, mas a empresa vem mantendo contato com muitas companhias dos Emirados Árabes que estão interessadas no projeto, comentou James McDonald, proprietário da Blue Star Line. “Nós possuímos o nome e a marca do Titanic II e muitas pessoas estão querendo investir nisso e fazer parte desta iniciativa”.

O projeto foi anunciado pela primeira vez em 2012, mas foi interrompido devido a problemas financeiros. Agora, com os problemas resolvidos, a Blue Star Line anunciou que a construção da embarcação continua.

O navio terá 270 metros de comprimento e 53 metros de altura. Serão nove andares e 835 cabines para acomodar 2.435 passageiros. Haverá uma grande piscina, banheiros turcos e academias.  Assim como o original, os bilhetes serão para primeira, segunda e terceira classe. A embarcação terá também “os mesmos interiores e layout de cabine que o navio original, ao mesmo tempo em que integra procedimentos de segurança modernos, métodos de navegação e tecnologia do século 21”, disse Clive Palmer, presidente da Blue Star Line.

O navio partirá de Dubai com destino Southampton, na Inglaterra em 2022 e depois seguirá para Nova York , nos Estados Unidos fazendo o mesmo trajeto do original pelo norte do oceano Atlântico.

O Titanic original afundou no Oceano Atlântico Norte em abril de 1912, após colidir com um iceberg enquanto viajava de Southampton para Nova York. A tragédia levou a vida de mais de 1.500 passageiros.

A réplica, ao contrário do original construído na Irlanda do Norte, está sendo feita na China. Após a viagem inicial, o Titanic II seguirá por outras rotas pelo mundo.

Os bilhetes ainda não estão à venda para os turistas mais destemidos,  que queiram embarcar nessa viagem.