Embratur terá papel importante em painel que aborda o legado da Copa.

O Brasil espera receber durante os Jogos Olímpicos e Paralímpicos entre 300 e 500 mil turistas estrangeiros, segundo estimativa do Ministério do Turismo, com projeção de totalizar 6,5 milhões durante todo o ano. Para dar continuidade às discussões sobre como converter essa oportunidade em negócios, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) participará do Webinar “Os Jogos Olímpicos chegaram, e agora? Ajustes finais para a medalha de ouro”, promovido pelo Sebrae de 28 de junho e 1º de julho.

Representando a Embratur estará o Coordenador-Geral de Inteligência Competitiva e Mercadológica, Bruno Giovanni dos Reis, que participará do painel “O que a Copa nos deixou de lição para os Jogos Olímpicos”, no dia 29, às 15h. Conforme aponta Bruno, entre as ações do Instituto no exterior que reforçam o convite aos estrangeiros para acompanhar os Jogos, destacam-se: participação em feiras internacionais, capacitação para agentes de viagens, estratégias digitais, revista de bordo com companhias aéreas, mídia em aeroportos, além do lançamento do novo portal Visit Brasil.

Na visão do coordenador, a exemplo da Copa de 2014, os dois efeitos principais para o turismo com a Rio 2016 devem ser os avanços em infraestrutura e a grande exposição de imagem no mundo. “Principalmente em relação à infraestrutura, várias obras realizadas para os eventos são um legado fundamental para melhorar o receptivo turístico no País – principalmente na área de aeroportos, mobilidade urbana, sinalização turística, qualificação de pessoal”, finaliza Reis.

Entre os demais confirmados para o Painel, estão: Jun Yamamoto, diretor de Gestão Estratégica da Secretaria Executiva do Ministério do Turismo (MTur); Marcelo Pedroso, presidente em exercício da Autoridade Pública Olímpica (APO); Ana Paula Jacques, secretária executiva do Fornatur; e Ana Clévia Guerreiro, gerente adjunta da unidade de atendimento setorial de serviços no Sebrae Nacional em Brasília.

Isenção de visto

Entre as ações promovidas pela Embratur para atrair turistas durante os Jogos, Bruno dará destaque à isenção de vistos concedida a australianos, canadenses, americanos e japoneses. A medida, que fica em vigor até 18 de setembro, oferece estadia limitada a 90 dias a contar da data de primeira entrada em território nacional. A dispensa é direcionada a estrangeiros que venham para o Brasil exclusivamente para fins de turismo. O visitante não precisará comprovar que possui ingressos para assistir a qualquer evento das modalidades desportivas dos Jogos.

Sobre o evento

A participação no evento é gratuita e aberta ao público. As conferências poderão ser acompanhadas pela internet. Confira a programação e os links para participar dos painéis:http://bit.ly/28Y6nx7.
Embratur