Ivane Fávero, secretária de Turismo e Cultura de Garibaldi – Foto: Júlio Soares (Divulgação)

A secretária de Turismo e Cultura de Garibaldi, Ivane Fávero, conduziu dois encontros nesta semana

Inserida na programação do 1º Seminário de Turismo e Enogastronomia, a reunião-almoço da última segunda-feira (6) da Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) trouxe para o debate o turismo como fonte de desenvolvimento. Para abordar o tema, a secretária de Turismo e Cultura de Garibaldi, Ivane Fávero, que também é consultora e coordenadora de entidades nacionais e internacionais do setor, defendeu o turismo como forma de desenvolvimento regional.

De acordo com Ivane, é necessário que a Região pense o turismo de forma coesa, planejada e sustentável, para que se torne um destino turístico organizado e competitivo. Dados sobre o setor, como a participação de 4,5% de participação no PIB brasileiro e a criação de 3,45 milhões de empregos diretos e formais pelo turismo foram abordados como forma de dimensionar o impacto econômico da atividade.

Apesar do número de turistas no Brasil ter tido uma queda de quase 2% em relação a 2014, no Rio Grande do Sul houve um crescimento de mais de 19% no mesmo período. Turistas que têm como destino principal o litoral e que, segundo a Secretária devem ser atraídos para também aproveitarem a Serra Gaúcha. “É fundamental que a Região se posicione e utilize o enorme potencial que possui de forma conjunta”, afirmou.

Já nesta terça-feira (7), a participação da Secretária ocorreu no 1º Seminário de Turismo Gastronômico da Costa Doce, em Pelotas. No evento, que tinha como objetivo firmar a região sul no mapa gastronômico e turístico do Rio Grande do Sul, Ivane apresentou a palestra “O Enoturismo: o turismo do vinho no mundo”. De acordo com a Secretária, o potencial gastronômico da cidade é um ponto forte e um ótimo nicho de mercado.  “Pelotas possui um grande patrimônio material e imaterial e fico feliz em perceber que o município tem criado eventos que harmonizem doces com vinhos e espumantes, ampliando e fortalecendo um setor em expansão”, define.

Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) - Foto: Júlio Soares (Divulgação)
Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul (CIC) – Foto: Júlio Soares (Divulgação)

O 1º Seminário de Turismo e Enogastronomia, em Caxias do Sul, foi promovido pela CIC, por meio de sua Diretoria de Política Turística e Enogastronomia, patrocinado pela vinícola Boscato. Já o II Festival de Gastronomia Fenadoce foi uma iniciativa da CDL Pelotas, organizadora da feira, e contou com o patrocínio de Senac , Sebrae, Brasserie 35 e Supermercado Guanabara; apoio da Embrapa, Emater, Sesc e Hotel Manta, além de apoio institucional da Prefeitura de Pelotas; Governo do Estado do RS; Universidade Católica de Pelotas; Universidade Federal de Pelotas e Instituto Federal Sul-Rio-grandense.

Ascom Prefeitura Garibaldi / SETUR

Fotos: Júlio Soares (Divulgação)