André Caliari, diretor do Snowland

 

O parque temático Snowland, em Gramado (RS), completou um ano de funcionamento no último dia 25 e, neste período recebeu mais de 331 mil visitantes de diversos Estados brasileiros e também de alguns países sul-americanos. “O número de turistas ficou dentro de uma média que estabelecemos no projuto, cuja expectativa mais pessimista previa 120 mil visitantes e a mais otimista, 500 mil”, informou o diretor do parque, André Caliari. Segundo o executivo, o espaço tem capacidade para receber até 3,5 mil pessoas por dia e cerca de um milhão de turistas ao ano. O pico de visitação neste primeiro ano foram os meses de dezembro de 2013 e julho de 2014.

Neste primeiro ano de atividades, algumas providencias já foram tomadas para melhorar a experiência do turista no parque. Entre elas, destaque para a nova recepção com capacidade para atender o dobro de visitantes, desenvolvida para evitar as longas filas que marcaram o início de operação do Snowland, e a reformulação da entrada na área da montanha, que passou a ser um buffet de roupas e acessórios de neve, entregue aos turistas que desejam visitar a atração.

NOVAS ATRAÇÕES
Para a alta temporada de verão, o parque procurou se renovar e trazer novas atrações. São cinco novidades no total. “Nós, enquanto parque, não podemos ficar parados. O turismo é muito dinâmico e precisamos sempre nos renovar para continuar atraindo o interesse do público”, informou Caliari.

A principal novidade do parque é o Flokus, espetáculo lúdico que se encerra com queda de flocos de neve em todo o espaço da atração. O show terá início em aproximadamente dez dias e será realizado todos os dias, em intervalos de 40 minutos. Ainda em novembro será inaugurado na área do Vilarejo, um simulador de esqui com capacidade para 24 pessoas. O espaço receberá ainda um cinema 7D, previsto para janeiro.

Em dezembro, outras duas atrações entrarão em cartaz. Uma delas é o Bumper Car, um carrinho de choque pilotado em pista de gelo. A segunda e principal novidade do mês serão as expedições em motoneves elétricas, cujo percurso já está concluído e terá 330 metros de extensão. Com as novidades a meta é conseguir um movimento maior de turistas no parque durante o segundo ano de funcionamento, embora as expectativas do primeiro ano tenham sido mantidas para 2015.

Fonte: PANROTAS
Foto: Reprodução