Secretários de Meio Ambiente de várias capitais do País estão em João Pessoa, participando do Encontro Regional do Nordeste dos Secretários Municipais de Meio Ambiente, no Nord Imperial Hotel, em Tambaú. O Encontro é realizado pelo Fórum CB27, em parceria com a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) e a Fundação Konrad Adenauer no Brasil.

No primeiro dia do Encontro, o coordenador do CB27, Nélson Franco, falou sobre o desafio dos municípios, de enfrentar as mudanças climáticas. Nélson apresentou dados que mostram a situação de 250 milhões de refugiados ambientais em todo o mundo e de como as mudanças impactam a vida das populações. Questões como as inundações na região Norte e a seca no Nordeste, Sul e Sudeste estiveram na pauta de discussões do Encontro.

semam_encontro-2

Ainda pela manhã, durante a abertura, o representante do ICLEI (Local Governments for Sustainability – Governos Locais pela Sustentabilidade), Igor Reis de Albuquerque, falou sobre a importância da capacitação dos servidores sobre mudanças climáticas, o papel dos governos locais, metodologias de treinamento e custos.

Ainda nesta quarta-feira (21), Karen Silverwood Cope, diretora da Secretaria de Mudança do Clima e Qualidade Ambiental Ministério do Meio Ambiente, falará sobre capacitação para operacionalização do Fundo Nacional de Mudanças Climáticas.

Também nesta quarta-feira (21), os secretários de Meio Ambiente de João Pessoa, Natal, Fortaleza e São Luís apresentam casos de sucesso.

A Regional do Nordeste reúne representantes das nove capitais, das secretarias de Meio Ambiente, que estão trocando experiências não só a respeito dos desafios da política ambiental, como também sobre boas práticas e medidas que já foram implementadas com sucesso.

Programação – O Encontro de Secretários prossegue, a partir das 9h desta quinta-feira (22), com explanações de experiências que deram certo por Carlos Alberto Muniz, secretário de Meio Ambiente da Cidade do Rio de Janeiro, dos secretários de Meio Ambiente de João Pessoa, Edilton Nóbrega; Natal, Fortaleza e São Luís e ainda Félix Dane, diretor da Fundação Konrad Adenauer. O evento conta também com a participação de Karen Silverwood Cope, diretora da Secretaria de Mudança do Clima e Qualidade Ambiental Ministério do Meio Ambiente, que falará sobre capacitação para operacionalização do Fundo Nacional de Mudanças Climáticas.

Participam também os secretários das cidades de Teresina, Aracaju, Salvador, Maceió, Recife, Belo Horizonte, Brasília e Boa Vista, que ao longo do dia vão apresentar experiências desenvolvidas em suas cidades. O Encontro se encerra às 13h desta quinta-feira (22),com a elaboração da Carta de João Pessoa.

ICLEI E WRI – Os participantes do Encontro Regional do Nordeste dos Secretários Municipais de Meio Ambiente estão discutindo as técnicas para elaboração de inventários para o ICLEI e WRI (World Resources Institute – Instituto de Recursos Mundiais).

O ICLEI é uma associação mundial de pesquisa que reúne representantes de cidades e governos interessados no desenvolvimento sustentável. Tem o objetivo de promover ações locais para a sustentabilidade, apoiando a que as cidades se tornem sustentáveis e eficientes em relação ao uso dos recursos naturais, com preservação da biodiversidade e economia urbana inclusiva.

A WRI é uma organização global de pesquisa que trabalha em colaboração com líderes locais para transformar grandes ideias em ação, contribuindo para manter o ambiente saudável e o bem-estar humano.

Fórum CB27 – Surgiu durante a Conferência Mundial do Clima no Rio de Janeiro e tem como objetivo estabelecer uma plataforma que proporcione trocas entre os chefes das pastas das capitais brasileiras sobre gestão ambiental. O primeiro encontro nacional de secretários municipais de meio ambiente foi realizado em maio de 2012, durante a conferência Rio +20. Secretários de 23 capitais foram ao Rio de Janeiro e debateram sobre temas como transporte público, resíduos sólidos, redução de emissões de carbono entre outros.

Fundação Konrad Adenauer – A Fundação atua no Brasil há mais de 40 anos. Tem origem na Alemanha e trabalha com educação política e assessoramento em defesa da paz, liberdade e justiça, fortalecendo o diálogo internacional.