Romero Ferro apresenta show “Arsênico” em João Pessoa

0
138
Fotos: Lana Pinho / Rabixco / Divulgação

No próximo dia (11) de outubro, o pernambucano Romero Ferro apresenta o show do seu disco “Arsênico” na Usina Cultural Energisa. O cantor (que acaba de concorrer ao Prêmio da Música Brasileira) está de volta ao Recife, depois de se apresentar em programas como o “Sem Censura” e o “Encontro com Fátima Bernardes” e de participar do show de Flávio Venturini. “Para nós, artistas independentes, tudo é sempre um pouco mais difícil. Então, o melhor a fazer é trabalhar, mostrar sua música ao maior número de pessoas possível, construindo parcerias e criando pontes. Assim levo a minha arte”, comenta Romero, que divide a direção de produção com Maurício Spinelli.

Para quem ainda não viu Romero ao vivo, é bom se preparar: além da forte presença de palco, o show traz roteiro do jornalista Cleodon Coelho, que já assinou programas como “Som Brasil” e “Estação Globo”, apresentado por Ivete Sangalo. O espetáculo vai misturar músicas do álbum “Arsênico” e do EP “Sangue e Som” com canções de compositores pernambucanos que o artista admira, como Marco Polo (Ave Sangria) e Karina Buhr. “Arsênico” é primeiro disco de Romero Ferro e foi gravado no Recife, no Fábrica Estúdios, com produção do expert Diogo Strausz (carioca responsável pelos últimos discos de Alice Caymmi, Castelo Branco e Chay Suede). O trabalho foi lançado no segundo semestre de 2016 e, além de ser mostrado em cidades pernambucanas como Recife, Olinda, Garanhuns, Bom Conselho e Limoeiro, passou por Maceió/AL, Natal/RN, João Pessoa/PB, Rio de Janeiro/RJ e São Paulo/SP. O álbum conquistou excelentes críticas de jornalistas como Mauro Ferreira (G1/RJ), Juarez Fonseca (Zero Hora/RS), André Felipe de Medeiros (Monkeybuzz/MTV/SP), Artur Barros (Collectors Room/SC), Danieli Souza (Folha de Londrina/Jornal do Paraná), Lucas Simões (Jornal O Tempo/BH) e Sandra Bittencourt (CBN/PE).

Nascido em Garanhuns, Romero começou sua carreira com o lançamento do EP autoral “Sangue e Som”, em outubro de 2013. Na época, o artista lançou três videoclipes no YouTube para divulgar o EP, que já somam mais de 350 mil visualizações. Após passagens bem-sucedidas pelo carnaval pernambucano e por festivais de música como o Mada (RN), Janeiro de Grandes Espetáculos (PE) e Móbile (PB), Romero foi destaque na capa do jornal carioca “O Globo”, saudado como um dos principais artistas responsáveis pela revitalização da música em Pernambuco. Tem mais: o clipe da música “Arsenal”, com mais de 10 mil visualizações na primeira semana de exibição no YouTube, foi premiado no FestCine 2015.

Para divulgar o novo trabalho, o músico lançou em outubro o clipe de “O Medo em Movimento”. O vídeo mostra Romero Ferro preso, ora com as mãos acorrentadas, ora vigiado por criaturas mascaradas. O roteiro foi do próprio músico em parceria com Carol Silveira, que também fez a direção criativa. A ideia é discutir questões políticas.

O disco “Arsênico” conta com a participação de Amaro Freitas na coprodução e teclados, Patrick Laplan (ex-Los Hermanos) nas baterias, Guilherme Eira nas guitarras, Nego Henrique (ex-Cordel do Fogo Encantado) nas percussões, o trio de metais composto por Nilsinho Amarantes (trombone), Fabinho Costa (trompete) e Liudinho Souza (sax), e o coro das irmãs Sue e Surama Ramos. A produção geral é de Maurício Spinelli e Jana Constantino, a assessoria da Rabixco Comunicação, figurinos de Carol Silveira, identidade visual de Caramurú Baumgartner, fotos de Lana Pinho e maquiagem de Monique Caires. “Arsênico” é composto por 10 faixas inéditas e completamente autorais, que passeiam pelo soul, funk, rock, dance music, entre outras experimentações.

Serviço
Romero Ferro apresenta show “Arsênico”
Dia: 11 de outubro de 2017 (4ª-feira)
Horário: 21h
Local: Usina Cultural Energisa –  R. João Bernardo de Albuquerque, 243 – Tambiá, João Pessoa – PB

Venda de ingressos online AQUI.

Assessoria