RN divulga turismo de aventura no principal evento do gênero na América Latina

0
18
Arnaldo sendo entrevistado pela mídia paulista - Foto: Divulgação

Kite surf, parapente, mergulho, passeio nas dunas e o nome internacional dos nossos surfistas são algumas das atrações do estande do Rio Grande do Norte para atrair visitantes durante a 18ª Adventure Sport Fair, que acontece na Expo São Paulo de hoje (27) até domingo (29).

A presença do RN foi viabilizada com recursos do Governo Cidadão, via empréstimo do Banco Mundial e o Estado potiguar é um dos dois representantes do Nordeste nesta edição do evento, considerado o principal no segmento de esportes e turismo de aventura na América Latina. São mais de 80 expositores.

“É um evento interessante para mostrarmos outras potencialidades do nosso Estado com o turismo de aventura. Temos recantos conhecidos no mundo para a prática de kite surf e parapente, por exemplo, e precisamos explorar esse segmento para o turismo”, analisou o secretário estadual da pasta, Ruy Gaspar.

Para o subsecretário de Turismo da Setur RN, Arnando Saint-Brisson, presente ao evento, esta é uma oportunidade de sedimentar ainda mais o trabalho de divulgação e promoção desenvolvido pela Setur e Emprotur no Sul e Sudeste, responsáveis pelo maior emissivo de turistas ao RN.

Saint-Brisson lembra o crescimento de kitesurfistas em São Miguel do Gostoso – um dos principais points mundiais para kite e wind surf – e Maxaranguape, onde esse ano aconteceu o campeonato brasileiro de free style. Ainda a prática de parapente em Ponta Negra. Sem esquecer o mergulho nos parrachos de Maracajaú.

Indo até o interior, se destaca o voo livre em Porto do Mangue e, principalmente, na Pedra do Lima, localizado em Patu, a 316 km de Natal – outro point mundial da prática. Ou ainda o rapel na cidade de Serra Caiada, distante 78 km da capital. Além, claro, do passeio de buggy nas dunas de Genipabu e Muriu, com ou sem emoção.

“E ainda o surf, sobretudo em Ponta Negra e Baía Formosa, celeiros dos  surfistas para o WCT (etapa mundial de surf). Não à toa temos nomes internacionais destacados nesta modalidade, com Jadson André e  Ítalo Ferreira. O Estado tem muito o que se aproveitar no segmento de turismo de aventura. Tudo começa aqui”, concluiu Saint-Brisson.

Ascom Setur RN