Em uma tarde de muito sol e calor como é peculiar ao mês de janeiro no nosso estado, estive visitando a fazenda Carnaúba.

Localizada no Município de Taperoá e de propriedade do Sr. Manuelito Dantas, na fazenda também está instalado o laticínio Grupiara, que produz o melhor queijo de cabra do Brasil.

Ganhador de vários prêmios, o queijo de cabra do semiárido paraibano, não fica a desejar para os melhores queijos franceses. Inclusive, inspirado numa proposta que um amigo o fez para produzir queijos temperados com ervas da região de Provença na França; Manuelito resolveu usar as ervas locais para temperar o seu queijo.

O resultado foi tão bom que desde o ano de 2002, já são produzidos aqui, queijos temperados com ervas nordestinos como o Marmeleiro, Alfazema e Aroeira ou Cumaru.

Do sucesso do queijo ganhador de vários prêmios o próprio Manuelito diz: “Valorizar aquilo que o semiárido tem de melhor, é a saída para conviver com a seca. Sim, porque não existe luta contra a seca, pois é um fenômeno natural. Existe convivência e adaptação.”

Com essa ideologia, hoje a fazenda carnaúba é considerada modelo pela postura adotada em relação ao clima semiárido.

Não posso deixar de citar a querida Inês Dantas Villar, filha de Manuelito e gerente do Laticínio Grupiara, que nos recebeu com muita atenção e nos mostrou as dependências tanto do laticínio quanto da casa grande da fazenda, onde me surpreendi com tantos troféus e premiações expostas nas paredes e estantes. Ela me informou que além de todos os prêmios que o queijo de cabra tem a nova embalagem, que foi idealizada pelo seu tio o Dramaturgo, romancista e poeta Ariano Suassuna, também foi premiada em 2013.

Um dos novos projetos do laticínio para 2014 / 2015 será a produção do Queijo de Manteiga bovino. Que não tenho dúvidas vai ser um grande sucesso!

O Sr. Manuelito Dantas, nos recebeu de braços abertos, a mim ao Dorgival Macedo, ao Hermany Menezes e ao Cristófanes Ventura, dando-nos uma verdadeira aula de história da Paraíba e contando seus “causos”, regados a uma boa cachaça e ao mais delicioso queijo de cabra do Brasil.

Foto: Hermany Menezes

*Este texto foi relocado para esta coluna e faz parte do acervo da colunista.
Escrito em 01/02/2014

SHARE
Artigo anteriorAçaí
Próximo artigoA “Pedra do Amor” em Jacumã
Ana Célia Macedo
Ana Célia Macedo, jornalista desde 2010 é membro da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo, seccional Paraíba (Abrajet PB). Iniciou suas atividades junto a comunicação escrevendo sobre turismo num blog em que narrava experiências vividas nas suas viagens pelo mundo e também divulgando os atrativos turísticos da sua cidade natal, João Pessoa. Morou por dois anos na Suíça, onde aperfeiçoou habilidades no jornalismo online, editorando o site “Brasileiros na Suissa”, que continha conteúdo exclusivo para a comunidade brasileira naquele país. É acadêmica em Comunicação Social, empresária e editora do site "O Concierge Online" que produz o melhor conteúdo em Turismo, Cultura e Gastronomia. Viajar, comer bem, conhecer novas culturas, fotografar e escrever são seus "hobbies". E-mail para contato: anaceliamacedo@oconciergeonline.com.br