Crianças, jovens e adultos não se intimidaram com a chuva fina e aproveitaram a manhã deste domingo (1º) para reunir os amigos e percorrer o trecho entre a Praça da Independência e Busto de Tamandaré, no Passeio Ciclístico da Semana do Meio Ambiente  2014, promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através da Secretaria de Meio Ambiente (Semam).

Com mais de 200 inscritos, o passeio teve apoio do Serviço de Atendimento Móvel (Samu) e Superintendência de Mobilidade Urbana (Semob), com participação dos técnicos e funcionários do Centro de Estudos e Práticas Ambientais (Cepam) e Semam.

dayseeuzebio-14

O grupo de ciclistas Máximo, do bairro de Água Fria, marcou presença no evento. O técnico em edificações Peterson Santana de Melo levou toda a família e o pequeno André Henrique, também aproveitou a manhã no colo do pai, na concentração. Segundo Peterson, “Henrique vai no carro de apoio, mas já estamos acostumando desde pequenininho, para quando estiver maior acompanhar o irmão, Lucas Dantas, de 11 anos. É uma ótima oportunidade para reunir a família e fazer uma atividade saudável”, disse.

dayseeuzebio-2

O secretário de Meio Ambiente, Edilton Nóbrega, convidou os ciclistas a participarem das demais atividades da Semana do Meio Ambiente e lembrou que este ano o tema é ‘Mobilidade e Sustentabilidade’, “questões decisivas para os centros urbanos. E neste sentido a Prefeitura trabalha com todo empenho no planejamento e na busca por soluções para a mobilidade de João Pessoa”, afirmou.

Circuito Tela Verde – Até o próximo dia 4 de junho estão sendo promovidas ações de Educação Ambiental nas escolas públicas, com exibição de documentários do Circuito Tela Verde, que é uma iniciativa do Ministério do  Meio Ambiente, em parceria  com a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura (MinC), do Governo Federal, que tem como  objetivo estimular a   produção  audiovisual independente sobre  a  temática socioambiental.

São parte do Circuito Tela Verde a Mostra Nacional de  Produção Audiovisual Independente com Temática Socioambiental e o Cine Ambiente – Edital de Curtas de Animação de um minuto.

O Circuito Tela Verde ocorre em sintonia com os princípios e objetivos da Lei 9.795/99 – que institui a  Política Nacional de Educação Ambiental (PNEA) e com o Programa Nacional de Educação Ambiental.

Programação do Circuito Tela Verde
5ª Mostra Nacional de Produção Audiovisual Independente

Manhã – 9h às 11h
02/06 – Escola Municipal Lions Tambaú (Bancários)
03/06 – Escola Municipal David Trindade (Mangabeira)
04/06 – Escola Municipal Nazinha Barbosa (Bairro São José)

Vídeos:
TERRA, CUIDE DESSA BOLA!  (tempo11’06″) – Fundamental 1
Sinopse: O envolvimento e o cuidado com o meio ambiente, numa crítica ao consumo e ao desperdício. Dois meninos, um idoso e a bola, que serve de elo entre eles, passam mensagem que temos que repensar nossos hábitos e costumes, para que nossos filhos possam ter um planeta sustentável.

CURTAS CARANGA – Fundamental 1
Reciclagem
 (tempo 47″)
Sinopse: A animação mostra os princípios básicos de como separar o lixo para coleta seletiva.

Trânsito (tempo 47″)
Sinopse: A animação mostra o caos dos congestionamentos e seus principais fatores causadores e como podemos viver em harmonia com o trânsito de nossa cidade, com atitudes conscientes e optando por meios alternativos.

Tarde – 14h às 16h
02/06 – Escola Municipal Lions Tambaú (Bancários)
03/06 –Escola Municipal David Trindade (Mangabeira)
04/06 – Escola Municipal Nazinha Barbosa (Bairro São José)

Vídeos:
Incentivo às Políticas Voltadas ao Reuso da água e ao Aproveitamento de Água da chuva (tempo 17′) – Fundamental 2
Sinopse: O vídeo apresenta, de maneira didática, as novas tecnologias  para o aprimoramento da gestão dos recursos hídricos. A reutilização da água e o aproveitamento da água da chuva são alternativas eficientes para o consumo mais racional que já podem ser utilizados em nosso dia a dia.

Uma chance para o futuro (tempo 12′) – Fundamental 2
Sinopse: Apresenta a realidade vivenciada pela população sobre a geração e destinação de resíduos sólidos, a percepção ambiental e a discussão de possíveis mudanças dessa realidade cotidiana dos municípios.