Na foto, Fluxo de turistas na passarela/divulgação

Por Rose Lucena

Ao escutarmos a frase “caminhando sobre as águas”, logo nos vem à mente o trecho bíblico que está em Mt – 14:26 que relata o fato de Jesus ter andado sobre as águas do mar: E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo.

Não, esse não é um texto que falará acerca de religiosidade ou de crenças, e sim, de uma atração turística desenvolvida por um artista búlgaro, que possibilitou esse fato a muitos turistas que visitaram o Lago Iseo, localizado na província de Brescia, na Itália.

Captura de Tela 2016-06-30 às 18.37.16
Esboço do Water Project

O Píeres Flutuante – The Floating Piers -, como foi chamado, foi criado pelo artista búlgaro de nome Christo Vladimirov Yavachev que está entre um  dos maiores criadores da Land Art – realizador de obras em grande escala. O artista nasceu em Gabrovo – Bulgária-,  em 1935, e estudou na Academia de Belas Artes de Sofia (1953). Sobreviveu ao regime comunista de 1956, em Praga, quando resolveu transferir-se para a Áustria, onde iniciou a sua carreira como artista, retratando e assinando  suas obras com  o sobrenome de família.

Christo é conhecido por sua arte abstrata, que logo chamou a atenção de grandes nomes tais como: Arman e Yves Klein, com quem se uniu na realização do Realismo Nouveau.

 O artista Christo Vladimirov Yavachev no Lago Iseo
O artista Christo Vladimirov Yavachev no Lago Iseo

Water Project, de Christo hamou a atenção do mundo e trouxe turistas dos mais diversas continentes, deixando o Lago Iseo movimentado, ao ponto de não suportar o fluxo de pessoas que foram conferir de perto o projeto “arquitetônico”.  Estacionamentos lotados, ônibus de grand turismo, sem falar no fluxo de pessoas nas estações ferroviárias. Todos com um só propósito: andar sobre as águas.

O Projeto, que proporciona aos meros mortais uma experiência única, ficará exposto até o dia 3 de julho, mas não se sabe ao certo se esse prazo será estendido, já que foi estabelecido pelo próprio Christo, devido às más condições climáticas que tivemos por esses dias.

A via de acesso para chegar ao local, de carro, não é uma das melhores, já que os estacionamentos estão cobrando um preço absurdo, movimentando assim uma entrada (€€€) altíssima. Afinal, todos querem vê-la e caminhar na passarela que corta de uma ponta a outra o lago.

Vista aérea da passarela no Lago Iseo
Vista aérea da passarela no Lago Iseo

A plataforma teve um custo de, aproximadamente, 10 milhões de Euros e é financiada pelo próprio artista, com a venda de seus projetos e esboços. A estrutura flutuante tem 16 metros de largura e cerca de 03 km de extensão. Por baixo do imenso tapete laranja, de nylon, 220 mil cubos de polietileno, de alta densidade, unidos, dão suporte ao esqueleto da estrutura que tem a capacidade de comportar 20 mil pessoas, simultaneamente, sobre as águas.

A passarela é aberta ao público apenas nos horários pré-estabelecidos pela organização e durante o dia.

Christo provou ao público que é capaz de criar, de forma contemporânea, estruturas atrativas e ousadas, utilizando-se de suas capacidades artísticas, tecnologia  da engenharia para seus grandes projetos.

Uma atração turística de muito sucesso que tem movimentado, por esses dias, o Lago Iseo na Itália.

E você, teria coragem de embarcar nessa aventura?

Alla prossima!

Fotos, Reprodução

 

*O conteúdo deste Blog é de propriedade intelectual do (a) autor (a), e não reflete, necessariamente, a opinião do O Concierge
*Esta plataforma destina-se ao debate sobre o conteúdo publicado apenas para fins informativos e de entretenimento
*O usuário é o único responsável pelo que escreve em seu comentário, de modo que responderá integralmente por qualquer ofensa a direitos de terceiros que seu comentário possa causar

SHARE
Artigo anteriorLatam adia hub no Nordeste e prepara corte de 35% em voos para EUA
Próximo artigoAir France é apoiadora oficial de Paris na candidatura dos Jogos Olímpicos 2024
Rose Lucena
Rose Lucena é paraibana, natural de João Pessoa, formada em Produção Publicitária pela Fatec-PB. É especialista em Marketing Empresarial, tendo sua carreira iniciada com a realização de um Projeto de Turismo Pedagógico Exploradores do Saber para uma das maiores empresas de receptivo no Brasil. O projeto, voltado exclusivamente para a rede educacional avaliado como uma das maiores iniciativas na área do turismo pedagógico. Técnica em Turismo e amante da História, Arte e Cultura, relatou uma de suas experiências para a revista Travel Ace Brasil, a convite do Diretor de Social Media Marketing da empresa no ano de 2010. Em 2012, mudou-se para Milão, Itália, onde iniciou a cursar Fashion Communication, que a possibilitou participar de eventos internacionais como o maior evento mundial de moda, o Milano Fashion Week. Curiosa por natureza, aventura-se em descobrir além do trivial e não dispensa uma boa viagem. Há anos atua no turismo como Blogger - desde sua formação como Técnica do Turismo -, onde conta suas experiências e coberturas de eventos aos seus leitores. Casada com o turismólogo Marco Lambertini, fluente em língua inglesa, italiana e alemã, convida todos a mergulharem em suas aventuras pelo continente europeu.