Nem só da visitação do Lajedo de Pai Mateus vive turismo do Cariri paraibano

0
347
Lajedo do Marinho, Boqueirão (PB) - Imagem: O Concierge

Especialistas do Projeto “Geoparque Cariri Paraibano” alertam que, além do Lajedo de Pai Mateus, o Cariri paraibano conta com mais 15 sítios geológicos mapeados prontos para visitação

Depois de divulgada a notícia sobre o fechamento do Lajedo de Pai Mateus para visitação até abril de 2018, devido às gravações da supersérie da Globo ‘Onde Nascem Os Fortes’, o Projeto Geoparque Cariri Paraibano chama a atenção para mais alternativas de rotas turísticas na região.

Lajedo do Bravo – Boa Vista - Imagem: Divulgação
Lajedo do Bravo – Boa Vista – Imagem: Divulgação

O Projeto Geoparque Cariri Paraibano aponta mais 15 sítios com relevância histórica e geológica tanto ou maior que o Lajedo de Pai Mateus e muito próximos dali. Nos municípios de Cabaceiras, São João do Cariri, Boa Vista e Boqueirão, há lugares com formações rochosas como a do Pai Mateus, com seus famosos “matacões” – rochas arredondadas, inscrições rupestres, cemitérios indígenas, lagoas milenares e a vegetação da caatinga, única no mundo.

Trilhas para caminhadas, passeios de bike, camping no Lajedo do Marinho, paredões para escalada e muitas outras atividades junto à natureza são alguns dos atrativos da região, que conta ainda com uma infraestrutura de pousadas, restaurantes e artesanato nos locais, preparada para receber turistas e visitantes.

Cânion do Rio da Serra – São João do Cariri

“Estamos fazendo esse alerta para que o movimento não pare, pelo contrário. Queremos reverter essa notícia com relação ao Pai Mateus para que ela não seja vista de forma negativa, mas sim como uma oportunidade para se conhecer novos lugares no Cariri paraibano”, ressalta Leonardo Meneses, professor da Universidade Federal da Paraíba e um dos coordenadores do Projeto Geoparque Cariri Paraibano.

Redação                                           *com informações da Ascom “Se Liga no Geoparque”