Megafones ampliam sons da natureza em Nobres (MT)

0
Crédito: Complexo Turístico Akaiá / Divulgação

Instalados ao longo de uma trilha, os equipamentos ampliam os sons da mata e tornam a experiência do turista em contato com a natureza mais contemplativa

Por Geraldo Gurgel

Inaugurada no Sítio Alegre, distrito de Coqueiral, em Nobres (MT), a “Trilha do Megafone” tem como aliado do visitante, além do prazer da caminhada, um conjunto de três megafones de madeira instalados em um trecho de 1,7 km. O turista pode até entrar nos fones gigantes para fotografar, mas a ideia original do atrativo turístico, dentro da área de proteção ambiental de uma pousada, é proporcionar ao visitante uma experiência diferenciada e ampliada do contato com a natureza. Em cada pausa o visitante poderá utilizar o amplificador para ouvir os sons da mata.

A trilha do Complexo Turístico Akaiá (cajazinho do cerrado) passa pelas cavernas Toca do Quati e Ronco do Bugio; a praça dos Poemas – com escritos em pedaços de madeira pendurados nos galhos das árvores; o mirante do Lobinho com vista panorâmica; e o Trevo dos Estados.

O percurso pode ser feito em duas ou mais horas, dependendo da disposição do visitante, uma vez que o caminho é todo autoguiado e contemplativo. A proprietária do sítio, Helen Reis, buscou inspiração para atrair turistas em um parque natural da Estônia, país no leste europeu.

Crédito: Complexo Turístico Akaiá / Divulgação
Crédito: Complexo Turístico Akaiá / Divulgação

Uma travessia suspensa ligando duas serras, com um vão de 530 metros de extensão, será outro atrativo do distrito de Coqueiral. O projeto, já em execução, vai se juntar aos outros atrativos de Nobres, conhecido destino de ecoturismo, natureza e aventura de Mato Grosso.

Helen, que disponibiliza 12 leitos aos hóspedes, já decidiu ampliar o negócio para receber mais turistas e oferecer camping, além de comida feita em fogo à lenha. Os hóspedes participam do preparo do prato principal do almoço, a carne com banana verde. Os vizinhos também têm oferta turística compartilhada com os visitantes. A Cachoeira da Cerquinha e uma travessia de boia por um complexo natural de túneis de 270 metros de extensão, conhecido como duto do rio Quebó, são opções para quem visita o local.

Crédito: Complexo Turístico Akaiá / Divulgação
Crédito: Complexo Turístico Akaiá / Divulgação

A região turística de Nobres tem, ainda, outro distrito famoso entre os destinos de ecoturismo de Mato Grosso. Bom Jardim é conhecido pelos rios de águas cristalinas cheios de peixes, grutas e cachoeiras. No local, os turistas praticam mergulho contemplativo e flutuação. Entre as atrações mais visitadas estão o Aquário Encantado, Flutuação no Rio Triste (belíssimo), Cachoeira Serra Azul, Lagoa das Araras e Balneário Estivado, além de boia cross, pistas de arvorismo e tirolesas de vários tamanhos.

Ascom MTur