Mais antigo teatro da Paraíba será reaberto no dia (10) de novembro, em Areia

0
35
Teatro Minerva recuperado - Foto: Decom/PMA

O Teatro Minerva, o mais antigo da Paraíba, reabre as suas portas após passar por uma grande reforma estrutural no dia, (10) de novembro, em Areia

O grupo teatral Recreio Dramático será uma das atrações dessa reativação da casa de espetáculos. A programação para comemorar a volta do Minerva se estenderá também pelos dias (11) e (13) de novembro, com apresentações de dança, música e encenações.

O Minerva estava fechado desde 2015. A Prefeitura Municipal de Areia conseguiu em 2017 a concessão de administração do espaço, que estava sob responsabilidade da UFPB, e trabalhou para devolver o teatro aos areienses. “Estamos profundamente felizes por resgatar a história da nossa cidade e devolver esse equipamento que é fundamental para a cultura de todo o nosso estado”, frisou o Diretor Municipal de Cultura, Gerson Paulino Filho.

O Teatro Minerva, na histórica cidade de Areia, foi o primeiro espaço das artes na Paraíba. Inaugurado em 1859, o teatro já atravessou diversas fases, passou por mudanças e desde o ano de 2015 estava fechado em função de problemas na estrutura. Agora, depois de ser revitalizado, o espaço será reaberto ao público.

O teatro apresentou problemas em uma parte do teto sobre o palco. A calçada da entrada também afundou depois que um caminhão passou por cima. Técnicos da Prefeitura Municipal de Areia e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional trabalharam na recuperação dos trechos afetados. Também foi feito um serviço de pintura e restauração de peças como as cadeiras de madeira.

O prédio é pequeno e possui uma arquitetura clássico-colonial. O tamanho favorece à acústica e os objetos em madeira dão mais charme ao ambiente. De acordo com o historiador areiense Horácio de Almeida, o local foi concebido da ideia de amigos, que formaram uma sociedade para a construção com o objetivo de atrair companhias teatrais e artistas musicais para o município. Um dos objetivos era também arrecadar fundos para investir na libertação dos escravos à época e, através das artes, disseminar ideias emancipatórias.

O primeiro nome do lugar foi Teatro Recreio Dramático. O nome de Teatro Minerva seria dado no início do século XX quando uma estatueta da Deusa das Artes foi colocada no topo da fachada do prédio. Durante estes 158 anos de existência, a casa também já funcionou como teatro, mas não se rendeu à sétima arte e voltou a ser um espaço de todas as expressões artísticas.

Redação                                                             *Com informações da Ascom Areia (PB)