Em comunicado expedido neste domingo, o Grupo Latam com a LAN e TAM maisas empresas afiliadas, informam que aceitaram a  proposta do Governo da República Bolivariana da Venezuela para a repatriação, por meio das denominadas “Solicitações de Aquisição de Moeda“, do montante total correspondente à dívida acumulada no exercício fiscal de 2013.

A dívida total acumulada passa  aproximadamente dos  US$ 148 milhões e será quitada por meio de um plano de pagamento proposto pelo  governo e aceito pela direção do grupo LATAM cujos detalhes não foram revelados.

As empresas do grupo Latam  formam entre as primeiras aéreas a aceitar um acordo com o governo de Caracas. Anteriormente apenas a Aerolineas Argentinas estava com processo adiantado neste sentido. Várias outras empresas internacionais estão tomando decisões de diminuir o tráfego aéreo com a Venezuela devido ao radicalismo de medidas adotadas pelo regime do presidente Nicolas Maduro, especialmente em relação ao envio de lucros para o exterior, além de problemas de cambio na venda de bilhetes aéreos na Venezuela.

Travel3