Lançada “Carta Cachaças da Paraíba”

0
Imagem, Teresa Duarte

Historia da cachaça, rótulos e produção contadas e catalogadas nas páginas da Carta

Por Teresa Duarte

A Paraíba é um dos maiores produtores de cachaça de alambique (artesanal) do país, com cerca de 12 milhões de litros por safra, e é na “Carta Cachaças da Paraíba”, lançada na última quarta-feira no teatro Paulo Pontes do Espaço Cultural, em João Pessoa que a história da bebida e da produção de 19 engenhos no Estado são descritas. A obra foi idealizada pela Associação Paraibana dos Engenhos de Cachaça de Alambique (Aspeca), com textos do escritor paraibano Gonzaga Rodrigues e da jornalista Rosa Aguiar

A análise sensorial dos rótulos apresentados foi feita por Jairo Martins, as fotografias são de Cácio Murilo, o projeto gráfico de Sérgio Sombra, assessoria de Marise Barreto e coordenação geral de Vicente Lemos e Múcio Fernandes. Durante a solenidade o humorista Cristóvão Tadeu, que faleceu recentemente, foi homenageado como forma de agradecimento do trabalho que ele vinha realizando no projeto, “Cristóvão Tadeu foi uma pessoa muito importante na produção dessa carta. Além do suporte na criação do projeto, ele seria o nosso mestre de cerimônia hoje”, disse o presidente da Aspeca, Vicente Lemos.

Representando o governador Ricardo Coutinho, o secretário executivo de Desenvolvimento Econômico do Estado, Raoni Mendes, destacou a parceria do Governo na obra. “Ser parceiro de vocês nesse evento e nessa divulgação é ter certeza de que os caminhos que a Paraíba tomou, a partir dessa nova gestão, têm em si um pensamento novo, em um projeto que precisa ganhar cada vez mais o Brasil. Estamos em um momento político muito delicado. Mas, tenhamos muita certeza de que o Brasil e a Paraíba demonstram de forma aguerrida que não para de crescer e que cada vez mais é fruto como esse, que dando as mãos trará resultados” disse.

Imagem, Teresa Duarte
Imagem, Teresa Duarte

Foram impressas cinco mil Cartas, sendo parte destinada para distribuição gratuita com homenageados e produtores da cachaça, e outra para a venda em livrarias, bancas de revistas e restaurantes, a partir do dia 1º de junho. A obra contou com o apoio do Sebrae Paraíba, da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba (Faepa), Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e das empresas Softcom, DR Alambiques, Thalls Indústria Metálica, Zeta Embalagens e Net Eventos.