João Pessoa mais perto da Holanda

0
569
Fernando Milanez, sec. Turismo João Pessoa, Bruno Mesquita, pres.Abav Paraíba, Saulo Barreto, coord Turismo João Pessoa

Voo que liga João Pessoa à Holanda é apresentado ao “Trade” turístico

por Ana Célia Macedo

Com o objetivo de desenvolver o turismo na cidade de João Pessoa a Secretaria de Turismo (SeturJP) com o apoio da Associação Brasileira de Agentes de Viagens seccional Paraíba (AbavPB), apresentou ontem, quinta-feira (20), no Hardman Praia Hotel, para agentes de viagens e para o “trade” turístico, o plano “Amsterdam Link”, que liga o Brasil a Holanda por meio de voo “Charter” com desembarque direto no aeroporto Castro Pinto

O secretário de turismo de João Pessoa, Fernando Milanez, destacou a importância do voo para a economia local e geração de novos empregos e também incentivou os agentes de viagens para comercialização do novo produto turístico da capital. “O que parecia um sonho tornou-se realidade! Graças ao nosso otimismo, trabalho e fundamentalmente o apoio do ex-prefeito, Cícero Lucena”.

Com 160 assentos semanais e 640 mensais o voo tem uma expectativa de comercialização de 62% com a venda internacional e de 32% com a venda nacional. Com este voo, João Pessoa, se torna visível para o mercado internacional e entra para a rota dos turistas europeus.

A Holanda tem importância estratégica para o mercado europeu e é de extrema importância para a internacionalização do destino João Pessoa, pois fica a poucos quilômetros da França, da Bélgica e da Alemanha, que tem uma população aberta a viagens de turismo com longas distancias.

De acordo com o coordenador de assuntos internacionais da Prefeitura, Saulo Barreto, o voo será apresentado oficialmente em janeiro do próximo ano, com o primeiro voo sendo operado no mês de abril. “Estamos há sete anos trabalhando na implantação desse voo, que a principio foi vetado pelo governo do Estado, por problemas operacionais, mas agora com a participação efetiva do Secretario Milanez, o voo torna-se possível”, revelou.

Ainda de acordo com Barreto, a Holanda passou 11 anos enviando mensalmente voos “charter” para o mercado brasileiro com desembarque em Natal (RN), encerrando as atividades no ano de 2013. “Existia uma lacuna no mercado e nós chegamos em boa hora. Como todo projeto, o nosso tem planejamento, riscos e contrapartidas, por isso conversamos com o prefeito Luciano Cartaxo e ele bateu o martelo”, concluiu.

Imagem, PMJP / divulgaçãoO voo acontecerá todos os sábados, em aeronave 737-800, com parada em Cabo Verde, para abastecimento. Será comercializado com valores de cerca € 600 e atenderá ao público nacional dos estados da Paraíba, Pernambuco, Rio Grande do Norte e internacional da Holanda, Bélgica, Alemanha e França. Segundo estimativa realizada pela Setur JP, a ação injetará no mercado local mensalmente cerca de R$ 1.626.240,00.

SHARE
Artigo anteriorAbav e Cias Aéreas orientam sobre novas regras de cobrança de bagagens
Próximo artigoDesfile de moda canino será atração da BMB neste sábado (22)
Ana Célia Macedo
Ana Célia Macedo, jornalista desde 2010 é membro da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo, seccional Paraíba (Abrajet PB). Iniciou suas atividades junto a comunicação escrevendo sobre turismo num blog em que narrava experiências vividas nas suas viagens pelo mundo e também divulgando os atrativos turísticos da sua cidade natal, João Pessoa. Morou por dois anos na Suíça, onde aperfeiçoou habilidades no jornalismo online, editorando o site “Brasileiros na Suissa”, que continha conteúdo exclusivo para a comunidade brasileira naquele país. É acadêmica em Comunicação Social, empresária e editora do site "O Concierge Online" que produz o melhor conteúdo em Turismo, Cultura e Gastronomia. Viajar, comer bem, conhecer novas culturas, fotografar e escrever são seus "hobbies". E-mail para contato: anaceliamacedo@oconciergeonline.com.br