A quadrilha Flor de Mandacaru (239,2 pontos) foi a grande vencedora do Grupo B, no Festival Municipal de Quadrilhas, realizado no Ponto de Cem Réis, no Centro de João Pessoa. O segundo lugar ficou com a Balão Dourado (225,2 pontos); e o terceiro com a Xiado do Xinelo (229,9 pontos).

O Festival promovido pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio de sua Fundação Cultural (Funjope), levou ao palco, nesta terça-feira (10), mais cinco quadrilhas, além da Flor de Mandacaru (Mandacaru) – última a se apresentar: Industrial (Bairro das Indústrias), Linda Flor do Sertão (Mangabeira VIII), Cangaceiros do Sertão (Mandacaru), Zé Monteiro (Cristo) e Xiado do Xinelo (Funcionários IV).

Fest PMJP Quadrilhas Juninas2014

As agremiações do Grupo B disputaram três vagas no Grupo A do Festival Municipal de Quadrilhas. Além de ascender ao Grupo A, as quadrilhas disputaram prêmios em dinheiro, cujos valores são R$ 6,5 mil, R$ 5,5 mil e R$ 4,5 mil para os três primeiros lugares.

“Todas as agremiações participantes do Festival foram devidamente julgadas conforme seis critérios, que são o casamento matuto, trio pé-de serra, figurino, conjunto, coreografia e marcador”, explicou Edson Pessoa, presidente da Liga das Quadrilhas de João Pessoa e da União Nordestina das Quadrilhas Juninas (Unej).

Fest PMJP Quadrilhas Juninas2014

A classificação final do Grupo B ficou definida como: 15º Mangue Seco (185,3 pontos); 14º Botijinha (191,9 pontos); 13º Sacode Poeira (195,7 pontos); 12º Zé Monteiro (206,6 pontos); 11º Macambira (208,7 pontos); 10º Industrial (210,3 pontos); 9º Pó de Serra (210,6 pontos); 8º Nação Matuta (212,7 pontos); 7º Explode Coração (219,6 pontos); 6º Viana (222,2 pontos); 5º Xote e Baião (223 pontos); 4º Tico Show (223,3 pontos); 3º Xiado do Chinelo (229,9 pontos); 2º Balão Dourado (225,2 pontos); 1º Flor de Mandacaru (239,2 pontos);

Cultura Nordestina – O diretor executivo adjunto da Funjope, André Coelho, atribui o sucesso do Festival Municipal de Quadrilhas a união da administração municipal com o povo, na manutenção da cultura local. “É motivo de muita felicidade para o governo municipal poder contribuir para o crescimento da mais autêntica manifestação de cultura popular da nossa cidade que é o São João e, consequentemente, as quadrilhas juninas”.

Para a dona de casa Maria Lúcia de Almeida, residente no bairro de Mandacaru, prestigiou o Festival e disse que o evento é a oportunidade que a população encontra para acompanhar o que a cultura nordestina tem de melhor. “Está tudo muito bonito: as roupas, as músicas, o palco. A Prefeitura e as quadrilhas estão de parabéns”, destacou.

Etapa Estadual – Desta quarta-feira (11) ao dia 15, o Ponto de Cem Réis sediará o Festival Estadual. As quadrilhas vencedoras do Grupo A que, portanto, já estão credenciadas para disputar a etapa estadual foram: 1° lugar: Fogueirinha (Cruz das Armas), 2° lugar: Lageiro Seco (Róger) e 3° lugar: Sanfona Branca (Mangabeira).

Estrutura – Para a festa, a PMJP montou estrutura com uma área de 750 metros quadrados, com um grande pavilhão coberto para as apresentações, três arquibancadas com capacidade total para 7 mil pessoas, espaço de acessibilidade e para idosos (150 cadeiras), tendas para a concentração das quadrilhas e palcos para trios de forró e jurados.

Sessenta banheiros químicos estão distribuídos pelo perímetro da festa, da Praça 1817 até a Rua Visconde de Pelotas. O acesso, gratuito, é facilitado por quatro entradas dispostas em cada vértice do quadrilátero e controladas por detectores de metais.

Quem for ao local das apresentações das quadrilhas tem total suporte na área de saúde e segurança. O público conta com o apoio de uma equipe do Samu, composta por cinco profissionais de saúde; além de 23 guardas civis municipais, fazendo a segurança dentro e fora da estrutura armada; e 40 policiais militares, sendo 20 a pé, três viaturas fazendo a varredura no perímetro e três conjuntos de motos.