Fernando de Noronha institui “Dia do Morador”

0
227
Fernando de Noronha - Imagem: Divulgação

A partir deste sábado (4), quem tiver comprovante de residência na ilha terá um dia exclusivo para desfrutar de um atrativo do parque sem precisar fazer agendamento prévio

A partir deste sábado (4) , os principais atrativos do Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha, unidade de conservação (UC) gerida pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) no litoral de Pernambuco, terão dias destinados exclusivamente à visitação de moradores do arquipélago.

Intitulado Dia do Morador, o projeto oferecerá aos que possuem comprovante de residência na ilha a visitação a um dos atrativos do parque, sem a necessidade de agendamento prévio, sempre aos fins de semana. Confira aqui o calendário deste mês.

Nesses dias, os turistas não terão acesso ao atrativo que estiver reservado para a população local, mas poderão curtir as demais atrações. Nos demais dias da semana, serão mantidas as regras normais de visitação, sendo necessário o agendamento tanto de moradores quanto de turistas.

Atualmente, turistas e moradores precisam agendar com antecedência a visitação aos atrativos do Parque Nacional Marinho de Fernando de Noronha, devido à capacidade limite de suporte, um protocolo que visa à conservação do meio ambiente.

Somente em 2016, o parque recebeu mais de 389 mil visitações, ocupando o 4° lugar na lista das unidades de conservação mais visitadas no Brasil, segundo dados do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

“Observamos que muitos residentes não conheciam o parque. Em função dos compromissos do dia a dia, muitas vezes eles não conseguiam agendar a visita. Acreditamos que o projeto tem grande potencial de reaproximar os moradores da ilha ao parque nacional. Apesar de ser uma das UCs que mais dão retorno econômico para a sua comunidade local, é muito comum o morador não visitar o local onde muitas vezes cresceu”, disse Felipe Mendonça, gestor do Núcleo de Gestão Itegrada (NGI) de Fernando de Noronha.

Segundo ele, com o “Dia do Morador”, os residentes do arquipélago passam a ter datas especiais para usufruir com mais tranquilidade e facilidade da piscina da Atalaia, a piscina da Caieiras, Abreus e Morro São José, sem as regras usuais. Mas os cuidados ambientais continuarão valendo, pois todos esses atrativos estão dentro de uma unidade de conservação da natureza.

Ascom ICMBio