Empresas e pesquisadores apresentam trabalhos nas sessões técnicas do Citenel+Seenel 2017

0
53
120 projetos selecionados pela Aneel - Agência Nacional de Energia Elétrica - especialmente para Citenel+Seenel 2017 - Imagem: Divulgação

Os melhores trabalhos serão premiados com um troféu da Aneel, na sexta-feira (4)

Foi um dia inteiro com salas lotadas para a apresentação de 120 projetos selecionados pela Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica – especialmente para Citenel+Seenel 2017, maior evento de energia elétrica do País, que engloba pesquisa, inovação, desenvolvimento e eficiência do setor e que acontece em João Pessoa até a próxima sexta-feira (4). Aurélio Calheiros de Mello Junior, avaliador da empresa reguladora, acredita que esta é uma boa oportunidade para desenvolver boas ideias apresentadas pelos pesquisadores. “Recebemos 390 projetos ao todo. Uma seleção difícil, o que prova que as empresas estão cada vez investindo nesta área”, disse. Os melhores trabalhos serão premiados com um troféu da Aneel na sexta-feira (4).

São trabalhos desenvolvidas em variadas áreas e foram divididos nas seguintes categorias: “Qualidade e Confiabilidade (QC)”, “Fontes Alternativas(FA)”, “Comércio e Serviço(CS), Chamada Pùblica (CP) e Gestão de Programa(GP)”, “Eficiência Energética(EE)”, “Segurança(SE)”, “Gestão e Bacias (GB) e Meio Ambiente(MA)”, “Operação(OP)”, “Medição e Faturamento(MF) e “Supervisão e Controle(SE)”, “Redes Inteligentes (RI) e Gestão de P&D(GP)”, “Fontes Alternativas(FA)”, “Baixa Renda(BR), Residencial(RE)”, “Comércio e Serviços(CS), Industrial(IN) e Fontes Incentivadas(FI)”, “Novos Materiais(NM”), “Meio Ambiente(MA)” e “Supervisão e Controle(SE)”.

Painés – Os congressistas do Citenel+Seenel 2017 participaram ainda de dois painéis: “Contrato de Desempenho no Setor Público: Soluções Locais Para Barreiras Globais” com mediação de  José Jurhosa – diretor da Aneel  e participação de  Alexandra Maciel – coordenadora do Comitê do projeto 3E do Ministério do Meio Ambiente (MMA); Alexandre Moana – presidente da Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Conservação de Energia (ABESCO);  Cristiana Muraro Társia – Jacoby Fernandes & Reolon Advogados Associados, jurista especializada na Lei 8.666; Manoel Moreira de Souza Neto – secretário de Fiscalização de Infraestrutura de Energia Elétrica do Tribunal de Contas da União (TCU) e José Gabino dos Santos – assessor da Diretoria da Associação Brasileira de Distribuidores de Energia Elétrica (Abradee); e  “Prospecção Tecnológica e Alinhamento Estratégico”, tendo Reive Barros – diretor da Aneel, como moderador e a presença de Ceres Zenaide Barbosa Cavalcanti – representante do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE) ; Mr Xi Zongyue – StateGrid; e Roberto Nogueira Fontoura Filho – gerente Executivo do Operador Nacional do Sistema (ONS).

Para conferir os trabalhos, basta acessar o site: http://www.citenelseenel2017.com.br/.

Assessoria